- Ano XII - nº 1 (80) - Dezembro 2017/ Junho 2018.                                             Direção: Osiris Costeira

MEDICINA TRADICIONAL CHINESA - Osiris Costeira - osiris.costeira@uol.com.br

Diagnóstico: O Pulso Radial

 

O exame do pulso radial na semiologia da MTC ocupa um papel fundamental, pois através dele é possível obter dados sobre a energia vital circulante, o sangue e os órgãos ZANG-FU, e, desta forma, construir um diagnóstico preciso.

Escultura feita em marfim mostra um médico tradicional japonês tomando o pulso energético da paciente

O pulso pode fornecer informações que não foram obtidas nas outras fases do exame físico, permitindo esclarecer as dúvidas restantes. Em algumas situações o paciente comunica-se mal ou está impossibilitado de de comunicar, fazendo do pulso a principal fonte de dados.

O pulso é avaliado na artéria radial em 3 diferentes partes (frente, meio, atrás) e níveis (superficial, médio, profundo). Esses 3 níveis do pulso nos mostra como está o nível de energia no pulso e, também, o tipo da patologia que está presente.

As posições dos dedos para a tomada do pulso radial estão demonstradas no desenho abaixo: 

É importante que o dedo médio faça uma pressão um pouco menor do que o indicador e o anular, em função da elevação feita pelo processo estilóide do rádio.  Em cada um dos dedos será sentido uma pulsação referente a um Zang (Órgão) e um Fu (Víscera), tanto no antebraço direito como no esquerdo.

São divididos em superficial (Vísceras) e profundo (Órgãos). Para palpar o pulso superficial basta pressionar suavemente a artéria radial com os dedos, enquanto que para palpar o pulso profundo, deve-se fazer uma pressão forte até que o pulso suma e então aliviar um pouco a pressão até sentir a pulsação novamente.

A seguir, pode ser observado um esquema demonstrando essas especificações:

                   

 

CONTATO

fale conosco, tire suas dúvidas, fale com os terapeutas, opine sobre os artigos e dê sua sugestão de conteúdo.

BIBLIOTECA/LINKOTECA SELECIONADA

Nosso objetivo é formar um banco de referências bibliográficas das diferentes Terapias Holísticas, para consulta de todos os interessados em mais detalhes sobre determinado assunto. Seria muito importante, e verdadeiramente interativo, se recebessemos sugestões , objetivando uma das finalidades do site Terapia de Caminhos que é compartilhar experiências e conhecimento. Clique aqui para acessar a terapia que deseja uma bibliografia selecionada para consultas.

"As opiniões emitidas nos textos do site são de exclusiva responsabilidade de seus autores".